segunda-feira, Outubro 20

O antes e o depois de uma eliminação

Antes do jogo dos ex amigos, sábado passado no Dragão, Flopetegui disse que:

"Na véspera do clássico entre FC Porto e Sporting, o treinador portista garantiu que gosta dos jogos a eliminar, como é o caso da Taça de Portugal.
“Sinceramente, acho que o bonito da Taça de Portugal é ser um jogo único, o ‘mata mata’."


Se adora os jogos a eliminar e a sua equipa joga ZERO, imagino se não gostasse...

Ainda antes do jogo começar o vôvô da Fernanda era igual a si próprio:

"Minutos antes de iniciar a partida, Pinto da Costa foi interpelado por um jornalista da Sport TV que se encontrava no relvado. O líder azul-e-branco não gostou de ser questionado se iria cumprimentar Bruno de Carvalho caso cruzasse com o presidente do Sporting.
"Já estou é arrependido de o ter cumprimentado a si. Vocês só sabem mexer no esterco. O FC Porto é isto, bom ambiente”"



Portanto, mais uma vez a idade a não perdoar... avisem o velho gágá que o porto é isto, mau ambiente:

"O vice-presidente das Ligas Americanas de Futebol, Francisco Marcos, foi agredido após o clássico no Dragão.
“Levei um murro e tentaram roubar-me o cachecol do Sporting. Foi a 1.ª vez em 68 anos que me aconteceu isto, curiosamente na 1.ª vez que vejo o Sporting ganhar no Dragão”, sublinhou o dirigente."

E por falar em ambiente, como estará o ambiente dentro do futebol corrupto do porto?

"Pressão cresce no FCP

A eliminação do FC Porto da Taça de Portugal com uma derrota caseira (1-3) ante o rival Sporting aumentou a pressão sobre o treinador Julen Lopetegui (...) 
A contestação ao técnico espanhol tem subido de tom nas últimas semanas. O elevado investimento feito na equipa (16 reforços e 40 milhões de euros gastos) aumentou o grau de exigência e as expectativas dos adeptos, que estão desagradados com a eliminação da Taça e com o facto de estarem a quatro pontos do líder Benfica na Liga. Após o jogo frente aos leões já se ouviram assobios. (...)
a qualidade dos reforços que o técnico exigiu já tinha sido questionada antes. O jogador mais contestado é Adrián López, pedido expresso do técnico, que custou 11 milhões de euros por 60 por cento do passe."

Só falta vir alguém a dizer que está com saudades do Paulo Fonseca...

sábado, Outubro 18

Isto é o futebol português

 
(imagem sacada daqui)

Nem sei por onde começar... se calhar o melhor é mesmo começar por vomitar, pois isto simplesmente é nojento demais para ser verdade.
Já não basta ao FDGP do Proença andar anos e anos a decidir títulos para os corruptos, já não basta ao FDGP do Proença andar anos e anos a prejudicar o ENORME, já não basta ao FDGP do Proença andar constantemente a abraçar jogadores e treinadores do futebol corrupto do porto. Não, ele quer mais!
E assim chegamos ao cenário desta foto.
O FDGP do Proença a abraçar um labrego xupa-dragay e com o punho no ar, talvez relembrando este ou aquele jogo em que ambos fizeram o seu trabalho para que a corrupção forjasse mais uma vitória.
Mais atrás temos, à esquerda o treinador dum clube da primeira liga (Penafiel), e um jornalista da SIC, ambos deliciados com a cumplicidade entre um árbitro e o membro duma claque dum rancho folclórico.
Para completar o ramalhete, diz aqui na notícia que isto se passou num encontro nacional do árbitro jovem.
O que estava a fazer o xupa-dragay nesse encontro? Talvez a recrutar...

Já nem pergunto o que seria se nesta imagem estivesse algum adepto do SLB, pois era um escândalo de proporções inimagináveis, mas pergunto outra coisa: ainda haverá alguém que pense que este futebol sujo e corrupto, em que os ladrões fazem tudo à descarada, em que os jornaleiros regozijam-se com cenas surreais destas e branqueiam por as considerarem uma banalidade, que este futebol tem uma solução pacífica? Que pode haver fair play neste futebol? Que pode haver respeito por árbitros e jornalistas?!?

sexta-feira, Outubro 17

Primeiro critica, depois imita. O habitual...

"Pinto da Costa: «Até os animais não gostam de estar enjaulados»

PINTO DA COSTA CRITICA "JAULA" DA LUZ"


Posso andar distraído, mas ainda não vi nem ouvi nenhum lagartóide indignar-se perante isto, tal como aconteceu em 2011:

"Sporting contesta "jaula" no Estádio da Luz

Em protesto, a direção leonina vai ficar com os adeptos na zona de segurança destinada aos visitante"

Pelo menos que os juve gays levem acendalhas como levaram para a Catedral...



Mas nesse caso não seriam complexados apenas em relação ao ENORME, por isso é pouco provável...


PS.- Não se esqueçam que hoje este blogue faz dez anos. Congratulem-se porque o mérito é todo vosso. Sem as vossas leituras e comentários jamais chegaríamos a esta data.
THANK YOU VERY MUCH!!!
E agora algo de completamente diferente (para quem conhece esta melodia é só acompanhar com esta letra):
10 anos é muito tempo, muitos dias muitas horas sem dar descanso a corruptos e seus aliados.

terça-feira, Outubro 14

Mas quem é que os adeptos do fcp julgam que são?

Eu não sei quem é que o Miguel Seboso Tavares julga que é, nem sequer sei onde ele vai buscar tanto moral para as merdas que vomita, mas esta aqui só dá vontade de rir:


Mas porquê? Por ter mandado umas bocas ao velho gágá, mentiroso e rufia? Coitadinhos... eles podem tudo, mas os outros não podem nada.
Portanto, neste caso concreto, o avô da Fernanda pode andar por esses estádios fora a insultar e ameaçar tudo e todos (com a companhia do ex-balofo Caldeira), mas quem retribui já devia ser proibido de ir ao Dragão. O que se segue nesta lógica de adepto azul e bronco? Que os clubes que pagam viagens e jantares a árbitros, lhe oferecem "fruta de dormir" e os recebem em casa deviam ser proibidos de competir? E os clubes cujos ex-jogadores confessam que o uso de doping é prática comum deviam ser proibidos de jogar sem haver controlo anti-doping em todos os seus jogos? Quem é adepto dum clube corrupto é que devia ser proibido de escrever em jornais e de falar nas televisões...
Mas já agora gostava de saber se o próprio MST pode entrar no Dragão ou se também está proibido de o fazer desde que foi processado pelo futebol corrupto do porto...




Eu não li nem ouvi o MST ter dito nada sobre os 11 milhões de euros que o fóculporto pagou por 60% do passe de um tal Ádrian López, porque será?

domingo, Outubro 12

Prestígio internacional

Depois de Sir Alex Ferguson ter dito que o futebol corrupto do porto compra campeonatos no supermercado.
Depois de Platini ter falado em "batoteiros".
Depois do director adjunto do jornal aMarca ter dito isto:


Ontem foi o jornal francês L'Equipe que num artigo sobre o futebol português se referiu assim ao vôvô da Fernanda:

"poursuit Régis Dupont à propos de celui qui a été mouillé dans l’affaire de corruption dite du "Sifflet Doré" (falsification de documents, corruption, trafic d'influence, écoutes...)."

Acho que nem é preciso traduzir, pois mesmo para quem como eu que pouco fala de francês, adorei descobrir a forma como se diz "apito dourado" - sifflet doré.
Para um clubeco regional (de andrades corruptos) não está nada mal... a fama chega longe!

sexta-feira, Outubro 10

Bruno de Carvalho discorda de Paulo Bento

O ex seleccionador nacional, quando saiu de Alvalade (depois de várias épocas a trabalhar no Sporting Comédia de Portugal, o que faz dele um conhecedor profundo da realidade interna do clube) disse isto:

"Bento: «Complexo de inferioridade com o Benfica deve acabar»"

Pois bem, o actual presidente do scp discorda destas palavras e diz que ainda é cedo para acabar com tais complexos.
Primeiro com a história da cor da bandeira nacional





Ontem outra vez a "marrar" no vermelho:

"Bruno de Carvalho "embirrou" com as bolas de microfone... encarnadas"

Assim fica fácil perceber porquê que o clube que preside foi campeão nacional pela última vez quando ainda se usava o escudo como moeda...

terça-feira, Outubro 7

Martins Indi - o exemplo

Este novo carroceiro jogador do futebol corrupto do porto pode ter escolhido a profissão errada, se calhar devia praticar um qualquer desporto de combate, se bem que aqui pode contar com a sempre prestável e conivente arbitragem portuguesa (e com o branqueamento habitual dos jornaleiros quando se tratam de assuntos relacionados com a corrupção), mas há uma coisa que ninguém pode acusar este jogador - de falta de gratidão:


Assim sim! Um exemplo para os seus colegas, treinador e direcção. É tão lindo que eu até fiquei com uma lágrima no canto do olho. Claro que não é novidade o Proença abraçar jogadores azuis e broncos, mas este parece ser mais sentido do que os anteriores. Quem ficou com uma pontinha de ciúme não foi só o árbitro auxiliar à esquerda na foto, foi também o Manuel Mota que apitou o jogo em Paços onde também perdoou um penalty flagrante por cotovelada deste mesmo Indi dentro da sua área. Esquecimento ou ninguém sacou a foto?

Voltando à frase do Sérgio Conceição no final do jogo:



Acho que não podemos encarar isto como se fosse "chover no molhado", como se fosse uma verdade que todos sabem mas que ninguém faz nada para contrariar, como os jornaleiros amestrados encaram isto, ou seja, como uma banalidade. Não é preciso coragem para assinalar penalty no Dragay no último minuito, basta isenção, seriedade, não consumir fruta de dormir, não aceitar viagens e jantaradas, não ir a casa de quem preside o clube que vamos apitar nos dias seguintes. Quer dizer, o Proença não tem coragem para aplicar as regras, mas depois tem cara-podre para andar a distribuir abraços... não, caro Sérgio, o que falta ao Proença não é coragem, é mesmo vergonha na cara.

segunda-feira, Outubro 6

Quem não chora não proença...

Contratam um contentor de espanhóis, mas quem continua a decidir as vitórias da corrupção é um velho amigo português...





sábado, Outubro 4

Mentiroso, velho gagá e ...rufia?!?

Dezembro de 2013:

"Octávio chama mentiroso a Pinto da Costa"

Março de 2014:

"Carlos Pereira chamou "velho gagá" a Pinto da Costa"

Ontem:


Tenho que dar a mão à palmatória, e quando o Bruno de Carvalho não se arma em Burro do Car(v)alho (ou seja, quando não deixa os complexos levarem-no a colocar o ENORME SLB no mesmo saco da escumalha corrupta) carrega e bem no vôvô da Fernanda:

"Os outros são rufias, às vezes não se enxergam e a idade não lhes dá vergonha. Ter de aturar este tipo de rufias que tive de aturar há pouco tempo, com as suas atitudes... Estou a referir-me ao comportamento do presidente do FC Porto em Alvalade. Eu não poderia ter esse comportamento no Dragão; a polícia levava-me preso. Quem anda à porta da tribuna a chamar nomes a todos os órgãos sociais do Sporting é ele. Quem anda com quatro seguranças a tentar assustar no corredor de Alvalade é ele. É uma vergonha o que se passa», comentou Bruno de Carvalho, que falou ainda do processo Apito Dourado: «Acho uma vergonha que neste país as coisas não tenham consequências»."

"Vamos ao Porto e entramos aos 20 minutos de jogo. No jogo em Alvalade, estavam hora e meia antes na minha casa, a ofender-me. Há uma polícia diferente a norte e a sul. Compreendo que não seja amado. Hei de morrer não sendo hipócrita, rufia... sem ser esta coisa que se arrasta pelo estádio ofendendo tudo e todos. É impressionante ver os jornalistas em pânico", concluiu."

Nada de novo, nada de surpreendente, nada de chocante, mas é sempre bom quando alguém revela o verdadeiro PdC, para assim obrigar os jornaleiros amestrados a falar daquilo que que eles tanto querem branquear.

Quanto ao mentiroso, velho gagá, rufia, corrupto, a falta que vai fazer e as saudades que vai deixar quando abandonar o futebol português...

quinta-feira, Outubro 2

O que esperar da próxima jornada?

Este fim-e-semana joga-se a sétima jornada do campeonato português. A situação é esta: ENORME em 1º lugar com porkalhada corrupta a 4 pontos e Sporting Comédia de Portugal a seis. Como dar a volta a isto? Simples, escolhendo os árbitros a dedo:


O campeão tem um velho conhecido a apitar o seu jogo, um animal que acha que isto não é penalty:


Nem isto:


Mas isto já é:


Portanto, melhor escolha era impossível...

Para o jogo do clube corrupto foi escolhido o árbitro que mais fez para contribuir para a causa corrupta:


Por isso é que eles se recusam a entrar em campo de mão dada com as crianças, mas não se recusam a abraçar este árbitro:





Sim, esta gratidão é muito bonita mas acho que é insuficiente. O museu dos azuis e broncos deve arranjar uma forma de homenagear quem tanto lhes deu. Que tal criar um "espaço PP"!?